Recrutamento de um Coordenador de Angariação de Fundos

  • Candidatura (5)
  • Visualização (528)
  • Enquadramento do anúncio

    1. Apresentação da Biosfera

    Criada em 2006, a Biosfera é uma instituição nacional que visa a conservação dos ecossistemas marinhos e costeiros de Cabo Verde. Confrontada com a rápida degradação dos recursos naturais, a Biosfera cresceu gradualmente e as suas competências foram reforçadas.

    A organização tem uma dupla missão. A primeira é de preservar as espécies e ecossistemas vulneráveis através de intervenções concretas. Várias espécies de aves e tartarugas marinhas, répteis e tubarões emblemáticas e/ou endémicas, são monitorizadas e protegidas, particularmente nas ilhas desertas e protegidas de Santa Luzia, Raso e Branco e na ilha habitada de Sao Vicente.

    Para além da conservação, a outra missão da Biosfera é mobilizar a sociedade cabo-verdiana, melhorando significativamente o conhecimento e incentivando o público em geral a participar activamente na proteção do seu património natural. 


    2. Contexto

    Em 2020, a Biosfera começou a implementar a sua segunda estratégia de conservação para um período de 5 anos (2020-2025). A organização prossegue as suas actividades atuais de conservação e desenvolve novos temas para responder aos desafios que ameaçam a preservação dos recursos costeiros e marinhos em Cabo Verde.


    Objetivo estratégico 

    1. Garantir a conservação de espécies costeiras e marinhas 

    1.1. Melhorar o conhecimento e monitorização sobre as espécies

    1.2. Agir para a vigilância e conservação das espécies ameaçadas

    1.3. Estimular as boas práticas de pesca sustentável para conservar espécies ameaçadas

    1.4. Reforçar a proteção legal das espécies ameaçadas


    Objetivo estratégico:

    2: Proteger os habitats marinhos e costeiros

    2.1. Assegurar a participação no processo de cogestão das AMPs em Cabo Verde

    2.2. Criar novas AMPs com as comunidades de pescadores

    2.3. Combater as ameaças sobre a zona costeira e reduzir os seus impactos


    Objetivo estratégico: 

    3: Reduzir a poluição que perturba as espécies e habitats marinhos

    3.1. Organizar companhas de limpeza nos sítios com maior biodiversidade

    3.2. Reduzir a contaminação da zona marinha e costeira por lixos domésticos

    3.3. Assegurar reação a potenciais riscos de poluição por petróleo


    Objetivo estratégico: 

    4: Motivar as comunidades e o público para um papel proactivo na proteção do ambiente.

    4.1. Elevar e apoiar a consciência ambiental da sociedade

    4.2. Incentivar e apoiar a proatividade da causa ambiental

    4.3. Tornar as comunidades pesqueiras receptivas às questões ambientais


    Objetivo estratégico: 

    5: Assegurar que a Biosfera é uma organização de vanguarda na conservação do ambiente

    5.1. Garantir a notoriedade da Biosfera

    5.2. Reforçar a estrutura e o funcionamento da Biosfera

    5.3. Assegurar a sustentabilidade financeira


    A Biosfera tem 28 funcionários permanentes, divididos entre a equipa do escritório e a equipa de campo. A estratégia de conservação da organização está dividida em 6 departamentos, cada um liderado por um coordenador (Conservação, Comunicação, Pesca Responsável, Poluição Marinha e Comunicação e Administração e Finanças).


    Atualmente, a Biosfera, implementa mais de 18 projetos apoiados por mais de 15 parceiros financeiros nacionais e internacionais. O aumento do número de ações e a implementação da estratégia 2020-2025 sugerem que a necessidade de recursos financeiros irá aumentar (custos das ações de conservação, comunicação e custos de funcionamento da Biosfera).


    A maioria dos projetos de conservação têm sido financiados por parceiros financeiros de tipo fundação, o que implica não só o desenvolvimento de ações diretamente ligadas à estratégia de conservação do doador, mas também a produção de relatórios técnicos para informar regularmente sobre os progressos realizados. Estão a ser desenvolvidas novas fontes inovadoras de financiamento (diáspora, marketing digital, parcerias privadas nacionais).


    A Biosfera procura uma pessoa com dupla experiência: angariação de fundos internacionais e conservação da biodiversidade costeira e marinha 

    Perfil do candidato

    • 1. Conhecimento dos mecanismos de financiamento internacional; Experiência mínima de 5 anos na angariação directa de fundos em relação a programas ambientais para fundações internacionais; Historial comprovado na concessão de subsídios - exigimos um mínimo de 80.000 euros de experiência de trabalho anterior; Capacidade comprovada em colaborar efetivamente com parceiros incluindo governos, ONGs, parceiros financeiros, e empresas;
    • 2. Um conhecimento da biodiversidade costeira e marinha, demonstrado por mais de 5 anos de experiência em organizações ambientais (é preferível uma formação acadêmica em Meio Ambiente ou Biologia); Experiência comprovada na candidatura e coordenação de Projetos de Conservação; Fluência em português e inglês, escrito e falado. O conhecimento do francês será considerado positivo;
    Funções ou tarefas a desempenhar
    • O Coordenador de Angariação de Fundos será responsável pela identificação das necessidades financeiras e assegurar os fundos necessários para a Biosfera, em colaboração com os coordenadores de cada programa, para garantir a implementação da estratégia de conservação e desenvolvimento organizacional para o crescimento e sustentabilidade da Biosfera;
    • Garantir que os objectivos estratégicos e específicos da estratégia sejam alcançados dentro do prazo e orçamento disponível;
    • Implementar a atual estratégia de angariação de fundos da nossa organização para 2022-2025;
    • Supervisionar os pedidos de subvenção, tendo em consideração a coerência científica e de conservação e as necessidades financeiras da organização para o seu desenvolvimento;
    • Rever e apoiar os coordenadores na preparação de relatórios técnicos e financeiros para os parceiros e assegurar a sua validação;
    • Gestão contínua e pró-activa das relações internacionais de doação;
    • Identificação de novos parceiros financeiros com os coordenadores dos departamentos;
    • Contribuição para o aumento da reputação e credibilidade da organização, à nível nacional e internacional, e supervisionar a estratégia de comunicação externa (Web site e redes sociais) para apoiar a estratégia de angariação de fundos;
    • Contribuir ativamente para o aumento da sustentabilidade financeira à médio (2 anos) e longo prazo da organização (5 anos);
    • Monitorizar os resultados da estratégia de angariação de fundos e desenvolver indicadores-chave de desempenho (KPIs);
    • Rever anualmente a definição da estratégia de conservação da natureza e ajustá-la conforme necessário;
    • Assegurar a coesão das parcerias (ministérios do ambiente e das pescas, universidades e institutos científicos nacionais e internacionais)
    • Informar mensalmente o Conselho de Administração da Biosfera, representado pelo seu Presidente, sobre todas as atividades de angariação de fundos;
    Documentos para candidatura
    • Carta de apresentação completa
    • Curriculum vitae

    Ofertas relacionados

    Detalhes do anúncio

    Data limite de candidatura 26 Junho 2022
    Localização Mindelo
    Área Gestão Financeiro
    Tipo de trabalho Tempo Inteiro
    Salário 100.00 CVE Por Mês
    Nível de experiência não definido
    Nº de candidatos 1 candidato

    Modal title

    Modal body text goes here.